HomeADVBCliente Invisível

Cliente Invisível

BV_73_Cliente Invisível

Para começar, vamos deixar uma coisa clara. Não estou falando de cliente oculto. Aquela ação muito comum aonde um “cliente profissional” previamente contratado vai até um local ou via telefone e realiza uma compra para avaliar o atendimento.

Isto é uma coisa antiga ainda utilizada e que tem muito valor. Estou falando de cliente invisível mesmo. Aquele que o vendedor olha e finge que não vê.

Isso é terrível. Quantas vezes você já tentou comprar algo e os vendedores simplesmente não lhe deram a mínima atenção. Mais de uma vez, com certeza.

É incrível, mas ainda há vendedores que avaliam os seus clientes pela roupa, modo de andar, de falar, e mais um monte de coisas. Se não “vão com a cara” ou acham que não vão comprar, simplesmente deletam da visão.

Os padrões de comportamento mudaram muito. O dinheiro mudou de mãos. Não existe mais um único perfil de comprador e ainda que existisse, não compete ao vendedor adivinhar quem vai ou não comprar.

Se você atende bem, mesmo que perceba rapidamente que aquele prospect não vai comprar, a possibilidade dele sair com uma boa impressão é enorme e isto pode reverter numa venda futura.

Quando o prospect percebe a atenção de um vendedor, mesmo que fique claro que a compra não vai se realizar naquele momento, a reverberação positiva é muito boa. Ninguém gosta de não ser notado ou desprezado.

Durante o atendimento, se o cliente preferir ficar livre, à vontade só para olhar, é um direito dele. Deixe-o assim, mas mostre claramente que está ali para servi-lo.

Ignorar quem quer que seja é, com certeza, um dos piores erros que um vendedor pode fazer.

Quando você estiver comprando algo e se sentir assim, lembre-se, o seu cliente também se sente mal do mesmo modo. Atenda bem sempre. Nunca ignore ninguém, pois os invisíveis sempre vão procurar outros vendedores e outras empresas.

Airton Carlini, professor da Academia de Vendas ADVB.

RELATED ARTICLES
spot_img
spot_img
spot_img